A LM Farma

Quem Somos

A LM Farma Ind. e Com. Ltda é uma empresa de capital 100% nacional, que atua há 20 anos no segmento hospitalar, com orgulho de ser brasileira. A companhia vem se consolidando no mercado e se dedica ao desenvolvimento, fabricação e comercialização de produtos que contribuem para a saúde e o bem estar das pessoas.

Nossa sede administrativa e planta industrial estão localizadas no município de São José dos Campos (Estado de SP), considerado como um importante pólo tecnológico e detentor do maior complexo aeroespacial da América Latina.

Em 2002 foi criada a Curatec – divisão de produtos de uso médico (Produtos para Saúde/Correlatos) que oferece uma linha completa para tratamento de feridas. Os produtos Curatec são industrializados em nossa nova e moderna fábrica de curativos, que foi construída de acordo com as recomendações internacionais para produtos de uso médico e recebeu, em 2008, o Certificado de Boas Práticas de Fabricação & Controle (BPF&C), emitido pela ANVISA, específico para produtos para saúde que podem ser destinados ao tratamento de feridas.

Outras certificações internacionais que oferecem a excelência no processo de gestão de qualidade serão alcançadas e, em breve, nossos produtos terão selo CE e estarão qualificados à exportação para a Comunidade Européia. Nos orgulhamos em ser uma empresa com foco na melhoria continua: nos processos, no desenvolvimento de nossos produtos e nos serviços prestados aos nossos clientes.

Este é um exemplo de uma página do WordPress, você poderia editá-la com informações sobre você ou sobre o seu site para os seus leitores saberem de onde você é. Você pode criar quantas páginas e sub-páginas quiser e gerenciar todo o seu conteúdo dentro do WordPress.

Nossa História

Certificações

Somos Certificados em BPF & C

Qual o significado prático das BPF & C ( Boas Práticas de Fabricação e Controle)?

O tratamento de feridas no Brasil evoluiu e cada vez mais os profissionais de saúde requerem evidencias cientificas, estudos clínicos e a garantia da qualidade dos produtos que irão utilizar em seus pacientes. Além disso, a Anvisa, visando garantir a segurança da população, determina através de regulamentações que instituições de saúde utilizem produtos devidamente registrados e preferencialmente de empresas certificadas em BPF e C.

Além da garantia da segurança, os beneficios que os clientes obtém ao adquirir produtos de uso médico de empresas com Certificado de Boas Práticas de Fabricação estão relacionados com a garantia da qualidade.

O grau de exigência da Anvisa aumenta de acordo com o risco que o produto, oferece à saúde da população. Quando uma empresa solicita ao órgão regulador o registro de um produto cosmético, como um óleo hidratante da pele, avaliam-se os riscos que este produto oferece quando em contato com pele íntegra, que são menores do que aqueles com indicação para feridas, em consequencia, a exigência da Anvisa para a concessão do registro de cosméticos é menor.

Os produtos indicados para o tratamento de feridas de difícil cicatrização devem ser registrados na Anvisa como como um “Produto para a Saúde” (Correlato) e, dependendo de sua indicação de uso, ele pode ser classificado em diferentes Classes de Risco (I a IV).

Para registrar um produto como Correlato a empresa necessita:

  1. Ser certificada em BPF para correlatos classe de risco III
  2. Possuir um projeto de desenvolvimento do produto conforme os requisitos previstos na RDC 59/00
  3. Qualificar todos seus fornecedores de materias-primas e embalagens, assim como prestadores de serviços de calibração, controle de pragas, análises físico químicas e microbiológicas e além disso, monitorar desempenho dos mesmos.
  4. Possuir um ambiente fabril adequado para produtos médicos, sendo que os equipamentos e mobiliários devem ser em aço inoxidável para que permitam a fácil limpeza e desinfecção de forma a eliminar os riscos de contaminação durante a fabricação e envase do produto.
  5. Deter um sistema de gestão de qualidade estruturado, que assegure que todos os lotes de produtos a serem comercializados atendam aos requisitos especificados, bem como sejam rastreáveis no caso de ocorrência de reclamações, devoluções ou necessidade de recolhimentos.
  6. Um produto aprovado pela ANVISA com indicação para prevenção e tratamento de feridas necessita atender requisitos de eficácia e segurança de acordo com o previsto na RDC n° 56/00, podendo ser exigido da empresa estudos toxicológicos, clínicos, bem como respaldo da literatura para garantir que o produto é eficaz e seguro ao uso pretendido.

Saiba um pouco mais sobre as Classes de Riscos

Classe de Risco Indicação de uso Exemplo de produtos
I – Baixo Risco Pele íntegra, hidratação, pequenos ferimentos Fitas de fixação
II – Risco Moderado Produtos para atuar no micro-entorno das feridas Filmes transparentes
III – Alto Risco Produtos que entram em contato com a pele lesada e que são destinados a serem usados principalmente em feridas que tenham produzido ruptura da derme e que somente podem cicatrizar por segunda intenção Curatec AGE, Curatec Hidrogel e Curatec AGE 30 Rayon
IV – Altíssimo Risco Produtos médicos que incorporem como parte integrante uma substância, que utilizada separadamente possa ser considerada um medicamento Espumas de Poliuretano com Ibuprofeno